Keep on the Shadowfell – Sessões 7 e 8

IMG_3141

Passadas 7 semanas de jogo, estamos a aproximar-nos do final do Keep on the Shadowfell. Os personagens já estão (quase todos) a nível 3. No entanto ainda há muitos perigos (e monstros) à espera em corredores escuros e passagens estreitas. Lamentamos mas não há godzillas.

A história até agora – *Spoilers*

Aos pés do grupo estavam dezenas de ossos partidos e armas ferrugentas, foi quando repararam nos dois altares ao dragão de Platina, que Serjh reconheceu imediatamente como sendo Bahamut. Ajoelharam-se em oração nos altares, e a fraca luz mórbida transformou-se em forte iluminação purificadora. O deus de Serjh recompensou-os ainda com 5 pequenas estatuetas em forma de dragão (igual número dos membros da party, que Darnakos referiu como sendo muito conveniente), fontes de uma espécie de magia protectora.

A cripta tinha apenas uma porta dupla, que abria para outra cripta, que continha um grande caixão sozinho numa zona elevada, decorado com o relevo de um cavaleiro, segurando a sua espada. Em alerta depois do súbito mas não inesperado nascer do nada de esqueletos da sala anterior, o grupo aproximou-se cauteloso, preparando toda a forma de ataques em caso de aparecer algum undead. Kara subiu à plataforma e deu um pontapé no caixão. Este abriu-se numa nuvem de fumo, surgindo a figura de um fantasma de plate armor e empunhando uma espada, gritando “O Portal para Shadowfell não pode ser reaberto! Quem são e o que pretendem?” Não os atacou, e os aventureiros não o atacaram, identificando-o como Sir Keegan, o cavaleiro que comandava o Keep e que enlouquecera e matara toda a gente anos antes. Os aventureiros demonstraram que era sua intenção impedir as forças do mal (alguns skill checks depois), e Serjh mostrou a sua fé em Bahamut ao fantasma, que lhes contou a sua sórdida história. Guardava o sêlo que mantinha o portal para Shadowfell fechado, mas as energias negativas passavam entre os mundos desde o templo de Orcus corromperam a sua mente, levando-o a matar inclusivé a sua família. Ele estava para além da salvação, mas ofereceu a sua espada Aecris aos aventureiros, para acabarem com o sacerdote de Orcus que tentava abrir o portal no piso inferior.

Havia um sítio que ainda não tinham explorado, e ficava para lá dos corredores com as Terror Runes inscritas no chão. Receosos de não serem capazes de saltar por cima delas, lá avançaram. Sapo acabou por falhar o saldo e despoletar a armadilha, correndo assustado pelos corredores, mas passado o susto, desceram as escadas para o piso inferior.

Era uma sala iluminada por tochas, duas figuras de armadura, altas e fortes, com orelhas a sair dos capacetes guardavam as escadas. O grupo preparou-se para o combate, a sentinela exclamou “Shadow seeks shadow!” e Magiuse repondeu “Magic Missile!”, e raios de energia soltaram-se dos seus dedos para acertarem no hobgoblin. Houve gritos de “Intrusos! Intrusos!” e mais guardas juntaram-se à luta vindos de salas ao lado. Dois deles correram para a sala atrás, onde uma enorme aranha repousava numa jaula, e trataram de a libertar. Já o grupo tinha tombado vários guardas quando a mortífera Deathjump Spider solta-se da jaula e salta por cima dos hobgoblins que a libertaram, voando mais de 50ft e cai de dentes aguçados em cima do pobre halfling Sapo. Nhack! Gotas de veneno salpicam das suas presas quando lhe ferra o dente. O pobre halfling chegou a tombar no chão, mas os seus amigos cedo o auxiliaram, matando os inimigos eu seu redor.

IMG_3144

Após alguns minutos de repouso, exploraram as pequenas salas em volta, onde apenas acharam camas infestadas de pulgas onde provavelmente dormiriam os hogboglins. As duas salas grandes, em q tinham lutado, tinham um poço ao centro, com água no fundo, onde chegaram a atirar um hobgoblin, sem que acontecesse nada a não ser um ruidoso splash (sinceramente não sei o que estavam à espera!). Havia um corredor enorme para sul, que desembocava numa sala grande e escura, e outro corredor mais curto com portas. Decidiram-se por este. Sapo avistou uma armadilha no chão num corredor com um portcullis escondido, onde se avistava uma sala com uma mesa cheia de papéis. Evitaram a armadilha, pesquisando a outra porta no corredor. Estava um hobgoblin com o nariz de fora a espreitar numa esquina, que deu o alerta e fugiu por uma porta, não sem antes levar com uns misséis mágicos de Magiuse e a lança de fé de Serjh. Mais hobgoblins juntaram-se à luta, mas the heavy guns deixaram-se ficar atrás da porta, à espera que o grupo fosse ter com eles. Eram o Légolas dos hobgoblins, com preferência de alvo na anã Kara, uma espécie de mago que atacava ora com bastão que brilhava com relâmpagos, ora com energia que os empurrava para trás e fazia tropeçar, e vários soldados de flail ou espada. A luta foi dura, mas magia, espada e martelo vencem qualquer coisa.

Cansados das várias lutas, decidiram voltar ao -1 para descansar, encontrando Splug pelo caminho que arrastava uma saca de onde se viam rações e espadas ferrugentas. Darnakos parou-o para uma inspecção de detecção mágica, que deu em nada, e deixou seguir o goblin, entretido em levar tralha para fora da masmorra. Após algumas horas de descanso, nas quais sentiram o chão tremer, voltaram ao piso inferior, sem antes tropeçarem nas runas e correrem assustados como meninas. Lá em baixo, decidiram seguir pelo longo corredor, que ia dar a uma sala grande e vazia, com portas a oeste e sul (sun rods iluminam 20 quadrados! or something). Seguindo pela porta a sul, havia um corredor no qual podiam andar dois a dois, com Magiuse sempre afastado na retaguarda, mas isso desta vez não lhe valeu. Enquanto Sapo espreitava uma sala no fim do corredor, algo transparente atacou Magiuse, deixando-o imobilizado. Um Gelatinous Cube bloqueava-os à retaguarda. A party moveu-se para tirar Magiuse do caminho e preparar-se para bater no monstro, e do outro lado surgiram dois corpos meio desfeitos, dos quais se soltava nhanha que atiravam na direcção dos heróis. Entre o Gelatinous Cube e os Corruption Corpses, Kara chegou a ser engolida pelo cubo, enquanto Serjh tentava manter os zombies à distância com o seu turn undead, visto que sempre que eles se aproximavam, o seu cheiro nauseabundo distraía os atacantes (penalidade -5 ao ataque). Lutando num espaço apertado, Kara tentava martelar o cubo com todas as suas forças, enquanto Darnakos usava as suas tácticas militares para ganhar vantagem. Kara fora engolida mais uma vez, mas um golpe certeiro desfizera o cubo libertando, restavam os zombies que se desmoronaram em nhanha após dois golpes mortais (críticos), explodindo e magoando todos à sua volta.

E tesouros? Muito receosos de armadilhas, abriram um cofre gravado com o desenho de um dragão, e entre roupas de criança e brinquedos de madeira, encontraram um amuleto mágico que irá fortalecer as suas defesas. E eles vão precisar…

5 comentários

Filed under Roleplay

5 responses to “Keep on the Shadowfell – Sessões 7 e 8

  1. A destacar nestas ultimas sessões o brilhantismo táctico de Darnakus que usando as suas habilidades e as do Sapo tratou de por o cubo numa situação altamente desvantajosa e ainda tirou membros de posições desconfortáveis😛

  2. Henrique

    Gostei bastante do teu blog. Aguardo ansiosamente mais postagens e afins. Estou pensando em aderir à 4ed mas, no momento, tenho umas cinco (!) campanhas para terminar… é que o primeiro grupo debandou e fiz outro (que debandou também) e fiz ainda outro etc… E agora, ironia do destino, os grupos estão voltando…

  3. marisoldesune

    Estou ainda no início da campanha, mas não vejo a hora dos meus jogadores entrarem logo na Keep!

  4. Tsu

    Pelo que vc descreveu, Shadow keep parece ser legal! quero mestrar

  5. Pingback: Rescaldo do Keep on the Shadowfell « Paper Dragon

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s